Notícias

Ministro anuncia cursos durante o ano formativo 2017 na ENAD

A Escola Nacional de Administração (ENAD) vai ministrar, durante o ano 2017, para o sector público administrativo, cinquenta e três cursos, oito workshops, seis seminários, uma palestra e um número estimado de mil 275 formandos, anunciou no dia 14 de Março, o ministro da Administração Pública Trabalho e Segurança Social (MAPTESS), António Pitra Neto.
O governante falava no acto de abertura do ano formativo 2017, e o lançamento dos programas de formação para o sector público, administrativo e para o sector empresarial.

Para além dos cursos contemplados na grelha do programa de formação, poderão ser também realizadas acções formativas por encomenda, nas instalações da ENAD ou do cliente, desde que possuam no mínimo 10 candidatos.

O ministro sublinhou a importância de saber adequar o perfil e o conteúdo das acções de formação às necessidades reais das instituições e dos respectivos quadros, no que diz respeito à elevação dos seus níveis de competências, habilidades e atitudes.

Reafirmou já ter referido em ocasiões anteriores, o contexto interno e externo, as expectativas gerais e particulares, bem como os principais objectivos e tendências de cada ciclo, requerem das instituições administrativas e das empresas, lucidez, inovação, criatividade e pragmatismo.

Realçou que a virtude das organizações e o mérito dos quadros reside na capacidade efectiva de tornar viável e benéfica, no respeito aos princípios e valores universais contemporâneos e às particularidades concretas e aos interesses nacionais, os programas e projectos necessários, que contribuam para o fortalecimento das instituições, o desenvolvimento económico e o bem-estar social.

O ministro afirmou que na prossecução dos objectos os desafios da ENAD, ontem tal como hoje, continuam a afigurarem-se exigentes em proporcionar e garantir a oferta e cursos, palestras e seminários, cuja qualidade, nível, utilidade e oportunidade mereçam a adesão constante e crescente dos funcionários, gestores e público interessado.

Apelou a intensificação do trabalho de relacionamento e articulação com os órgãos de recursos humanos dos organismos e entidade que representam o público-alvo de clientes da escola, tendo presente a necessidade do cumprimento do Decreto Presidencial nº116/13 de 3 de Julho, sobre a formação profissional dos titulares de cargos e chefias na Administração do Estado.

Instituir mecanismos que permitam conhecer periodicamente o "feed-beck" das acções formativas ministradas, e o seu impacto no desempenho técnico e profissional do pessoal formado.

Para poder contribuir para a identificação dos factores ou circunstâncias que dificultam ou enfraqueçam o aumento da eficiência e eficácia dos serviços públicos administrativos, bem como a formulação e apresentação de propostas à respeito.

Neste capítulo, espera-se uma acção mais efectiva do centro de estudos e pesquisa para o desenvolvimento da escola, não só em matéria como também na produção de informação estatística e abordagens de especialidades sobre a administração pública.

Durante o acto de abertura, realizou-se uma palestra sobre “experiência e sapiência do serviço público na Administração pública", no âmbito do Programa de Valorização do Serviço Público”, e a entrega de prémios a quatro trabalhadores que mais se destacaram no ano 2016.

O referido acto, contou com a presença de Gestores de Recursos Humanos, dos Departamentos Ministeriais, Públicos, privados e parceiros Sociais.

Fonte: Angop

Você está aqui: Home SIAC Em destaque Notícias Ministro anuncia cursos durante o ano formativo 2017 na ENAD